0

FALAEEEE GALERA!

Está no ar mais um Geek Vox! No episódio de hoje, vamos conversar COM SPOILERS sobre a mais nova obra de Darren Aronofsky que explodiu a cabeça de várias pessoas ao redor do mundo – pro bem e pro mal!

PARTICIPANTES:

  • DOUG
  • LEO
  • RIZZATO

Coloque os fones de ouvido E SAIA DA MINHA CASA!
Edição por: Gabriel Pecegueiro
Direção de edição e trilha sonora: Doug Oliveira


Quer ajudar o Geek Vox? Baixe o Pic Pay e faça sua doação para @geekvox.
Saiba mais sobre o Pic Pay aqui.


AS BANDAS QUE TOCAM NO GEEK VOX ESTÃO NA PLAYLIST DO SPOTIFY:


ASSINE NOSSOS FEEDS!

Mais links na página de assinatura

ASSINEPARTICIPE

About author
Equipe Geek Vox

Equipe Geek Vox

Doug Oliveira & Rodrigo Maroto. Os Geeks que dão voz ao Geek Vox!

OUÇA NOSSO PODCAST EM: http://geekvox.com.br/geek-vox/

  • Vcs tb comentaram que a parte do destroçamento do bebê é a santa ceia, mas santa ceia foi o encontro antes da traição que Jesus sofre. No filme aquela parte representa para mim a comunhão. Corpo e sangue de Cristo, literalmente. Tanto que as pessoas estão arrasadas enquanto comem. :/

  • Pessoal, adorei o podcast e o filme, mas para mim a editora representa o anjo Gabriel que é o mensageiro de Deus, já que ela que leva sua palavra aos homens. E a matança que ocorre no meio daquela rave bizarra é a aniquilação de Sodoma e Gomorra pelos anjos. Quem representa a igreja e o vaticano é o homem que o poeta toca com a mão de tinta, e que começa a reproduzir o ato em outras pessoas em frente a um altar improvisado.

  • ozochs

    né?! se não fosse por isso nem teria despertado a vontade. tinha “ouvido bem de longe” sobre o filme, mas não me interessei em procurar saber nada, nem o Trailer, resenhas, nada! Vcs me deixaram pilhado pra assistir.
    obs.: ainda não consegui ir assistir, talvez amanhã..hahaha

  • Vc ouviu antes de assistir mesmo depois de tantos avisos? hahahaha

  • ozochs

    Perfeito! Mais um podcast que me deixou maluco pra consumir algum conteúdo dito por vcs. Amanhã estarei indo ao cinema pra ver essa obra… vlw!

  • Heytor Bonifacio

    Aquele momento em que metade da sala sai com raiva do filme vc percebe que o objetivo foi alcançado
    Ps:o Titulo deveria ser MÂE!!!!!!!!! com o subtitulo D=

  • silas.

    Pensei agora numa conversa no cast sobre como indicar o filme é difícil, sobretudo sem dar spoilers, e algo que comentei encerrando um breve comentário de avaliação no meu facebook: “Não compre pipoca!”.

    Talvez seja mais ou menos isso: dizer “É um filme de Darren Aronofsky, que costuma ser reflexivo, trabalhar subtextos… e é o mesmo de Cisne Negro.” e – talvez o mais importante (risos) – “Não compre pipoca!”.

  • Acho q o diretor está orgulhoso. Quando uma obra fica impossível de ser ignorada, atingiu seu objetivo como arte. =)

  • silas.

    Meu momento de clique: quando o poeta manchou o rosto de um fã e outros pediram ao poeta que ele fizesse o mesmo com eles. Só depois disso eu comecei a notar uma camada de referências religiosas presente desde o início do filme.

    “mãe!” me agradou muito e me fez ficar meio imóvel até o fim dos créditos. Quando observei os dois cartazes pintados com Lawrence e Bardem, próximos à saída da sala de cinema, eu não pude evitar sorrir; durante minha volta inteira pra casa eu pensei sobre o longa; passei dois ou três dias ainda sentindo o impacto do desfecho e (re)interpretando elementos.

    Considero impossível assistir ao filme em questão e não reagir de algum modo, nem que seja pensar e/ou dizer “Que merda é essa?!”.

    Abraços!